TJ/GO permite pela primeira vez sustentação oral de estagiário

No último dia 1/3, o TJ/GO permitiu, pela primeira vez no Estado, a sustentação oral de um estagiário do curso de Direito. O estudante Paulo César Rodrigues de Faria, que cursa disciplinas da 5ª e da 10ª etapas, fez a defesa em agravo de instrumento na 5ª câmara Cível.

Durante o procedimento, que durou 12 minutos e meio, o estagiário foi acompanhado por um advogado do escritório em que atua. Durante a sessão, o desembargador Alan de Sena Conceição, que integra a 5ª câmara Cível, parabenizou o estudante pela iniciativa.

De acordo com o estagiário, desde novembro ele tentava realizar o procedimento na Corte. O pedido havia sido indeferido pelo Tribunal por imposição regimental. Porém, o estudante defendeu sua possibilidade de realizar a sustentação no agravo de instrumento, e o TJ/GO deferiu a petição.

Pioneirismo

Essa foi a primeira vez em que um estagiário realizou a sustentação oral no Estado de Goiás. No mês passado, uma estagiária realizou o procedimento na 2ª câmara Cível do TJ/DF; a estudante também foi acompanhada por um advogado do escritório onde atua.

Um comentário sobre “TJ/GO permite pela primeira vez sustentação oral de estagiário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *